Saltar para o conteúdo

Sobre

Economia e criatividade em Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor Leste é o tema de um conjunto de actividades desenvolvidas pela ACEP, em parceria com organizações e pessoas daqueles países, com o objectivo de conhecer e valorizar a inovação, a criatividade e a cultura como factores de desenvolvimento e de que este site é um dos resultados tangíveis.

Este trabalho apoia-se no entendimento da economia criativa enquanto sector que permite o desenvolvimento de actividades económicas, suportadas pelo capital cultural, criativo e artístico; transversal aos contextos culturais, artísticos, sociais e económicos; englobando, para além da criatividade, diferentes dimensões como a tecnologia e a geração de rendimentos com diferentes impactos socioeconómicos; e conferindo um carácter único aos bens e serviços gerados.

É assim um processo de procura de respostas para os desafios identificados e para a progressiva construção de visões estratégicas, ainda naturalmente escassas, num terreno onde o intangível é, por definição, um recurso ilimitado.

Iniciado em 2014 com apoio financeiro da Fundação Portugal-África, o trabalho veio a prosseguir e a alargar-se com financiamentos do Camões, I.P. e também da Fundação Calouste Gulbenkian.

As iniciativas de economia criativa incluídas neste web-site foram identificadas numa pesquisa de terreno realizada, a partir de um conjunto de critérios, como seja serem geradoras de identidade, de rendimentos e de inovação e serem reconhecidas no mercado e no meio envolvente.

Em 2020 a ACEP assinou com o Camões, I.P. um contrato que visa acolher e divulgar neste site informação do PROCULTURA, um programa europeu de cooperação delegada ao Camões I.P., que intervém em alguns dos segmentos criativos a que o site está dedicado.

Autorias e Colaborações

Alexandro Cardoso

André Nabais

Anita Wasik

Carlos Narciso

Cesar Schofield Cardoso

Dário Paraíso

Debora Sanches

Fatima Proença

Ilsa Sá

Inês Gonçalves

Irlando Ferreira

João Branco

João Tuna

Juliana Teixeira

Maria Amado

Maria Miguel Estrela

Mariana Ferreira

Mário Moniz

Marta Lança

Midana Mbussum

Mic Dax

Olívio Diogo

Orlando Garcia

Pedro Castanheira

Rita Cavaco

Rosana Albuquerque

Rui Carvalho

Rui Tavares

Samira Pereira

Sara Almeida

Sara Moreira

Saturnino Oliveira

Tânia Santos

Tavares Cebola

Vanessa Rodrigues

Abut

ALAIM

Andim Media

Appy

Artissal

Atelier Mar

Bastien Loloum

Black Box

Cheirus

Centro de Arte Artesanato e Design

Companhia de Dança Contemporânea de Angola

Dilicious

Empreza Diak

FONG-STP

Geração 80

Ku Si Mon

Luanda Night Life

Mariventos

Musa&Co

Okatiuka

OII

ORLEI

Plataforma das ONGs de Cabo Verde

Seday Design

Tiniguena

Tupuca

Antenas

Daniela Vieitas

Angola

Daniela Vieitas, nasceu em 1977 e vive entre Angola e Portugal, com algumas passagens demoradas em São Tomé e Príncipe. É actriz, colabora na implementação de projectos culturais, de desenvolvimento sustentável e de defesa de Direitos Humanos.

Matilde Dias

Cabo Verde

Matilde Dias, natural da cidade da Praia, Cabo Verde. Jornalista, produtora e apresentadora na Televisão de Cabo Verde. É editora e apresentadora do programa cultural “Revista”. Foi galardoada com o Prémio Nacional de Jornalismo. Colabora com a produtora cabo-verdiana Kori.

Nereide da Silva

Guiné-Bissau

Nereide Silva é assistente de comunicação, formada em Marketing e Comunicação. Actualmente, é responsável pela gestão e dinamização das plataformas digitais e redes sociais da Tiniguena e pela iniciativa ArtKontra COVID-19, financiada pela Unesco.

Tavares Cebola

Moçambique

Tavares Cebola vive em Maputo. Trabalhou durante muitos anos como livreiro e editor de conteúdos em projectos culturais e de tecnologia. Através da RIZOMA, um projecto editorial em Maputo, escreve e edita conteúdos para diversos mídia. Trabalha, exercendo funções curatoriais, com projectos nos domínios da música, artes visuais e literatura.

Katya Aragão

São Tomé e Príncipe

Katya Aragão nasceu em São Tomé e Príncipe. É jornalista, cineasta, argumentista e produtora. Formada em Ciências da Comunicação e da Cultura pela Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias. Foi uma das 20 cineastas selecionadas para a Competição African Folktales, Reimagined.

Natércia do Rosário

Timor-Leste

A Natércia do Rosário nasceu em Díli. É licenciada em Língua Portuguesa pela Universidade Nacional Timor Lorasa’e - UNTL e mestre em Educação Artística pelo Instituto Politécnico de Viana do Castelo. É professora da língua portuguesa e formadora da arte de contar histórias no grupo Haktuir Ai-knanoik.

NEWSLETTER FUTUROS CRIATIVOS

Subscreva a Newsletter Futuros Criativos

Utilização de acordo com a nossa Política de Privacidade.