Saltar para o conteúdo

PROCULTURA apoia pequenos projetos em Timor-Leste

  • Timor-Leste

11 de Fevereiro de 2020

O instrumento DIVERSIDADE disponibilizará 600.000,000 EUR, distribuídos pelos seis PALOP e Timor-Leste, para apoio a pequenos projetos.

No dia 30 de janeiro de 2020, realizou-se, no Centro Cultural Português da Embaixada de Portugal em Díli, o lançamento do DIVERSIDADE – Instrumento de financiamento para a diversidade cultural, cidadania e identidade.

O DIVERSIDADE disponibiliza 600.000,00 EUR, distribuídos pelos seis países PALOP e Timor-Leste, para atribuição de subvenções a pequenos projetos ou ações, apresentados por pessoas individuais ou coletivas, que possam contribuir para a criação de emprego adicional nos setores culturais e, simultaneamente, para a diversidade cultural e para a cidadania através da cultura como valores sociais.

O DIVERSIDADE é uma atividade do projeto PROCULTURA PALOP-TL – Promoção do Emprego nas Atividades Geradoras de Rendimento no Setor Cultural nos PALOP e Timor-Leste”, financiado pela União Europeia, cofinanciado e gerido pelo Camões, I.P. em parceria com a rede de Institutos Culturais dos Estados-Membros da União Europeia (EUNIC).

O evento de lançamento contou com intervenções do Embaixador de Portugal em Timor-Leste, José Pedro Machado Vieira, do Embaixador da União Europeia em Timor-Leste, Andrew Jacobs e do Secretário de Estado da Arte e Cultura de Timor-Leste, Teófilo Caldas.

Segundo Andrew Jacobs, Embaixador da União Europeia em Timor-Leste, “a União Europeia está comprometida em promover a cultura Timorense como uma força motriz para a participação democrática. E encorajamos expressões culturais que promovem a diversidade, o diálogo intercultural, os direitos humanos e os valores democráticos.”

Por sua vez, o Embaixador de Portugal em Díli, referiu que “Timor-Leste possui grande riqueza de saberes locais, que vão de noções espirituais do mundo físico a métodos tradicionais de governação, bem como uma diversidade de manifestações culturais com potencial para a geração de emprego e rendimento”.

O período de candidaturas decorre de 1 de fevereiro de 2020 e 30 de setembro de 2022, de acordo com as regras definidas no regulamento e formulários publicados aqui.