Saltar para o conteúdo

São Tomé e Príncipe: Bolseira Mardgirnia Pinto termina Mestrado em Artes Cénicas

  • São Tomé e Príncipe

11 de Abril de 2022


Mardginia Pinto é a primeira mulher mestre de Teatro em São Tomé e Príncipe!

Bolseira do PROCULTURA, Mardginia terminou o seu mestrado em Artes Cénicas (Teatro) na Universidade de Évora, em Portugal.

Durante 5 meses trabalhou no projeto final denominado “Vida e arte, Teatro na escola”, no âmbito do qual desenvolveu uma oficina [de teatro] com os alunos do Liceu Nacional de São Tomé, entre os 14 e os 18 anos de idade.

Na sua tese defendeu a importância da educação artística no currículo das escolas públicas do seu país, porque tem a certeza que esta seria uma forma de ajudar os alunos a terem o gosto pela arte, e por sua vez, a elevar a auto estima, o espírito de equipa, a relação consigo e com os outros.

Da experiência que tem tido com o seu grupo de teatro, Caravana Africana, durante 18 anos, assim como na oficina de teatro que dinamizou no âmbito da sua tese, Mardginia defende que que através da educação artística o aluno torna-se um cidadão mais empático e responsável. Agora mestre na área, recomenda aos decisores políticos do país que sigam a recomendação saída na conferência sobre Educação Artística que teve lugar em 2006, em Lisboa.

A primeira mulher mestre santomense partilha como o teatro tem importância na sua vida: “O teatro para mim não representa a vida, o teatro para mim é vida! Por isso denominei o meu projeto “Vida e arte, Teatro na Escola”.

Parabéns Mardginia!

NEWSLETTER FUTUROS CRIATIVOS

Subscreva a Newsletter Futuros Criativos

Utilização de acordo com a nossa Política de Privacidade.