Saltar para o conteúdo

Beto Sitoe

A arte do Batik em Moçambique


Beto Sitoe

Bito Sitoe is a Mozambican artist who creates paintings in Batik, a technique of decorating cloth using wax and dye. Batik art has been practiced for centuries in many parts of the world. Beto Sitoe started exploring this technique 25 years ago, with the guidance of the plastic artist Azemir. In his drawings, Sitoe depicts daily life in Mozambique, its myths and traditions. He also likes to use music and sound in the his work. His dream is to open an art gallery in the future.


Beto Sitoe

Bito Sitoe est un artiste mozambicain qui crée des peintures en Batik, une technique de décoration de tissu utilisant de la cire et de la teinture. L’art du batik est pratiqué depuis des siècles dans de nombreuses régions du monde. Beto Sitoe a commencé à explorer cette technique il y a 25 ans, sous la direction de l’artiste plasticien Azemir. Dans ses dessins, Sitoe dépeint la vie quotidienne au Mozambique, ses mythes et ses traditions. Il aime aussi utiliser la musique et le son dans son travail. Son rêve est d´un jour ouvrir une galerie d’art.


Beto Sitoe é um artista moçambicano que cria tecidos que são obras de arte. Os seus desenhos falam de mitos, tradições e do quotidiano em Moçambique.

Relembrando o seu percurso, Beto Sitoe conta: “Eu fui muito influenciado por um mestre que trabalhava num bairro do aeroporto, o mestre Azemir. Ele era artista plástico e eu ajudei-o. Comecei a esconder as tintas e comecei a fazer os quadros em Batik inspirado no trabalho do mestre Azemir. Isso foi há 25 anos. Até que ele me apadrinhou e comecei a aprender mais e desde então faço Batik”.

Batik é uma técnica de tingimento e coloração de tecidos artesanais.

Beto Sitoe é um artista plástico moçambicano, que tem um gosto particular pela arte do Batik, criando tecidos que são obras de arte. Através dos seus desenhos fala do quotidiano, da vida em Moçambique, de mitos e tradições, e do mundo, e gosta de “meter música nas suas imagens”. Procura transmitir sentimentos, recorrendo a elementos tradicionais e contemporâneos e utilizando materiais como a cera, as tintas e o carvão.

Os seus trabalhos são vendidos através de intermediários, em lojas e galerias, e em feiras e mercados, em Moçambique e no exterior (Espanha, Portugal e Itália). Gostaria contudo, que o Batik tivesse mais visibilidade e apoios. Beto Sitoe, é hoje um nome de referência no Batik moçambicano. Para o futuro, ambiciona criar uma galeria, ensinar a sua arte a crianças e recuperar a tradição de técnicas de Batik em Moçambique.

NEWSLETTER FUTUROS CRIATIVOS

Subscreva a Newsletter Futuros Criativos

Utilização de acordo com a nossa Política de Privacidade.